Chegou a hora de você descobrir a verdade revelada por trás das áreas de membros no Brasil… e como os infoprodutores e afiliados estão perdendo rios de dinheiro e nem sabem disso.

E antes de você fazer qualquer tipo de julgamento sobre este texto, eu só te peço que você fique comigo até o final, pois tenho certeza que este conteúdo irá te surpreender.

Você nunca mais vai enxergar o mercado digital da mesma maneira.

Para ficar mais fácil de entender, vamos usar uma analogia.

Você já conheceu ou ouviu falar de alguém que teve um relacionamento abusivo?

Pois é...

Este tipo de relacionamento sempre tem uma característica em comum.

No início... o rapaz é super romântico, atencioso, protetor, respeitoso, tem todas as suas atenções e esforços voltados para agradar e satisfazer o coração da menina…

E, rapidamente, a moça fica apaixonada. É o modelo de homem ideal que qualquer mulher gostaria de ter.

Mas com o passar dos meses, aquele mesmo rapaz começa a demonstrar uma atitude possessiva e agressiva.

Se irrita com facilidade com qualquer tipo de relacionamento de amizade que a garota tenha. Não quer que ela tenha relações com mais ninguém.

Ela passa a ser vista como um objeto de posse dele e precisa viver exatamente debaixo de seu domínio.

E ele justifica esta postura agressiva e dominadora dizendo que a ama, e que faz tudo isto por amor. E por meses, ou até anos, a vida desta moça se torna um verdadeiro inferno.

Aquele mar de flores que era no início, se transformou em um roteiro de filme de terror.

Na vida dos infoprodutores é mais ou menos a mesma coisa.

Ele decide lançar seu produto digital e começa a escolher uma plataforma para hospedar e vender seu produto.

Ao começar a pesquisar na internet para saber qual é a melhor Área de Membros para se trabalhar, ele se depara com aquele monte de sites todos iguais.

É sempre a mesma promessa e o mesmo blá blá blá.

Não é mesmo?

  • A mais completa…
  • A mais fácil e rápida…
  • Coloque seu curso grátis...
  • Não dependa de programadores…
  • Venda seu curso e nós fazemos o resto…
  • Tenha relatórios…
  • Acompanhe o desempenho dos seus alunos…

E se fôssemos continuar essa conversa pra boi dormir ficaríamos aqui até amanhã escrevendo.

É impressionante! Eles vendem itens que são obrigatórios em uma área de membros como se fosse algo extraordinário.

Seria a mesma coisa de ir em uma concessionária comprar um carro e o vendedor falar:

“olha, temos acessórios incríveis e extraordinários neste carro: volante, rodas, bancos, portas e janelas.”

É claro que um carro tem que ter isso. Assim como uma área de membros tem que ter todas aquelas funcionalidades.

Aí você vai lá…

E como a garota apaixonada, contrata a sua área de membros.

Todo empolgado, começa a subir os vídeos de seu curso, personaliza com sua logo e as cores do seu gosto, programa quando cada conteúdo será liberado, até que…

Uhull… as primeiras vendas começam a sair.

E então o “namorado romântico” começa a apresentar alguns sinais de irregularidades.

O sistema da plataforma começa a ficar fora do ar com certa frequência, fazendo seus clientes reclamarem sobre a qualidade do seu material e, de vez em quando, até ocorre alguns estornos por causa disso.

Dentro do seu ambiente, que você pagou para usar, eles sempre dão um jeitinho de deixar a logo deles ou um pequeno banner divulgando a própria plataforma.

Ué...se você pagou por isso, não seria certo eles fazerem propaganda dentro do seu espaço.

Concorda?

E o pior de tudo é a taxa absurda cobrada por venda.

E conforme o seu negócio vai crescendo, eles vão cobrando mais taxas, proporcionais ao número de cursos no ar e ao seu faturamento.

E talvez você esteja pensando que existe uma plataforma bem conhecida que diz que você não precisa pagar nada para começar. Que para colocar seu curso no ar não custa nada.

Você já ouviu falar na frase: não existe almoço grátis?

Pois é. Não se engane. A conta vai chegar e será bem caro.

E eu vou te provar agora que o que eu estou te falando é a pura e simples verdade..

Vamos supor que você acabou de hospedar todo o seu curso nesta “plataforma que não cobra”.

E você começa a vender seu curso a R$500,00.

A plataforma que não cobrou nada para você colocá-lo no ar, agora te cobra uma média de 10% por cada curso vendido.

Se você vender 20 cursos por mês, a plataforma está custando R$1000,00 por mês para você.

E se você vender 200 cursos?

Serão R$10.000,00 que você deixará de ganhar.

Você acha isso certo?

Esse papo de que “não custa nada” é apenas uma isca que usaram de maneira maliciosa para te “pescar”.

Mesmo porque, depois que o você teve todo o trabalho para estruturar o seu curso.

A probabilidade de você querer mudar de plataforma é muito baixa. Até por uma questão de comodidade.

O ser humano é assim. Eu, você e o resto do mundo.

Evitamos coisas que nos dão trabalho. Portanto, é mais fácil perder R$50,00 por venda do que mudar de plataforma.

Mas se você fizesse a conta em larga escala, você verá que será o pior erro de sua vida.

E todas estas plataformas cobram o “olho da cara”, mas não se culpe, porque a culpa não é sua.

Eles se aproveitam de que o mercado digital no Brasil é algo novo e, como até então não tinham um concorrente à altura para colocá-los no seu devido lugar…

Eles simplesmente cobravam o preço que queriam.

Mesmo porque você NÃO TINHA OPÇÃO…

ATÉ HOJE!

Considere-se uma pessoa de sorte, porque você está tendo a oportunidade de presenciar, em primeira mão, algo inédito.

Clique aqui e conheça a Memberkit.